19 novembro 2013

0

O orgulho de ser negra !

    Não me chame de MULATA, porque você pode fortalecer a ideia de que
    mulher negra é usada para o ato sexual, sem haver risco de reprodução.
Não me chame de parda, porque não sou filha de pardal, apesar de gostar tanto de pássaros.
    Não me chame de morena, porque sinto que o seu olhar frita na cor da minha pele 
                 e não na minha essência e na minha ancestralidade.
 Por favor, sem medo de me ofender, me chame de negra, eu gosto, é música para os meus ouvidos, é bacana sempre me recordar da minha raiz, da minha essência, da minha ancestralidade, da minha história… 
Ah, se for com carinho pode me chamar de neguinha e se for para reconhecer a minha força e resistência, 
                   pode me chamar de negona. Eu sou negra !



Nenhum comentário:

Postar um comentário